Portugal NáuticoPortugal Náutico

Mensagens recentes

Páginas: 1 ... 8 9 [10]
91
Meteorologia / [IPMA] Boletim Climatológico Açores Mai/22
« Última mensagem por Informadora em Junho 24, 2022, 13:28:03 »
Boletim Climatológico Açores Mai/22

Foi publicado recentemente o Boletim Climatológico de maio de 2022 da Região Autónoma dos Açores.


Resumo

Em maio, a anomalia relativa ao período de referência do campo médio da pressão atmosférica à superfície na região dos Açores apresentava valores negativos, entre -2,4 a -1,2 hPa . A anomalia do campo da precipitação média diária apresentava valores positivos inferiores a 2 mm/dia, enquanto a anomalia do campo da temperatura média mensal do ar apresentava valores negativos e superiores a -0,8°C nos grupos Ocidental e Central e positivos, mas inferiores a 0,8°C, no grupo Oriental .

Da análise dos resultados das observações nas estações do IPMA, conclui-se que maio de 2022 foi um mês muito chuvoso nas estações das ilhas do Corvo, S. Miguel e Santa Maria. Sobre a temperatura do ar regista-se que todas as estações apresentaram desvios negativos.



Situação sinóptica

No mês de maio, o anticiclone subtropical do Atlântico Norte apresentava-se posicionado em média a SSW do arquipélago, com fraco desenvolvimento para latitudes superiores a 35°N e fraca intensidade (de 1018 a 1020 hPa) situação esta favorável à corrente perturbada de oeste, com persistência da frente polar em todo o arquipélago.

Destacam-se três períodos com tempo severo provocado pela ação de vales frontais e uma depressão no final do mês: 3 a 6 e 13 a 16 (nos grupos Ocidental e Central) e 27 a 31 (nos grupos Central e Oriental), com rajadas de vento forte, precipitação intensa e agitação marítima forte.



A temperatura da água do mar à superfície nos Açores apresentava valores médios de 16 a 17°C nos grupos Ocidental e Central e 17 a 18°C no Oriental.

O estado do mar no mês de maio caracterizou-se em média por ondas noroeste, de 2 a 3 m no grupo Ocidental e de 1 a 2 m nos Central e Oriental.



Precipitação

O desvio positivo mais elevado foi registado em Santa Maria (+256%) e o mais nega-tivo em S. Jorge (-20%).  Os desvios observados nas estações do grupo Oriental e na estação do Corvo ultrapassaram o quarto quintil da distribuição dos respetivos períodos de referência, representando por isso um mês muito chuvoso nestas esta-ções.



Temperatura do ar


Os desvios observados nas estações do IPMA foram todos negativos; de -0,7 a -0,4 °C nos grupos Ocidental e Central e de -0,3 a -0,1 °C no Oriental. O valor da temperatura média do ar variou entre 17,4°C (Ponta Delgada/Obs.) e 15,7°C (Nordeste). A temperatura mínima mais baixa ocorreu no Corvo/aeródromo (8,6 °C) e a máxima mais alta no Pico/aeródromo (24,7 °C).



Vento


A circulação média de larga escala na região dos Açores foi fraca a moderada de SW.

A Rosa-dos-Ventos da estação meteorológica do aeródromo da ilha Graciosa apre-senta uma distribuição por rumos, com vento moderado a fresco do quadrante W, mas também de bonançoso a moderado de S e E.



Radiação global

A percentagem da irradiação global mensal relativamente ao valor esperado no topo da atmosfera apresentou cerca de 50% na estações de Santa Maria e Graciosa, 46% na estação da Pico e 41 % na estação das Flores.





Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-24 02:00:00
92
Meteorologia / [IPMA] IPMA na Conferencia dos Oceanos
« Última mensagem por Informadora em Junho 24, 2022, 12:27:03 »
IPMA na Conferencia dos Oceanos

A Conferência dos Oceanos das Nações Unidas decorre em Lisboa de 27 de junho a 1 de julho de 2022, e o IPMA tem o privilégio de participar.



“A Conferência dos Oceanos será um marco no longo caminho para suster a agressão ao meio marinho, abrindo horizontes de cooperação e de responsabilidade, capazes de combinar a utilização racional de recursos e serviços do mar, com a preservação dos equilíbrios necessários à manutenção da biodiversidade marinha e à defesa do mais importante património genético do planeta.”, destaca o Presidente do IPMA, Miguel Miranda.

 

O IPMA irá participar neste momento histórico com várias iniciativas, desde a dinamização de painéis de discussão em conferencias, workshops ou pitch sessions; estando representado com stands no espaço expositivo; e através da assinatura de protocolos científicos de cooperação com organismos internacionais.



As iniciativas decorrerão em dois espaços: na Blue Zone da Conferência com acesso restrito e na área "One Sustainable Ocean", um espaço contíguo à Conferência, localizado no Pavilhão de Portugal, no Parque das Nações, cujo acesso é livre mediante registo prévio online (aceder abaixo no link).



O programa completo da participação do IPMA pode ser consultado em anexo, mas destacamos o seguinte:



       
  • "Grand Challenges in Ocean Science for a Sustainable Future", uma parceria IPMA/ Woods Hole Oceanographic Institution (WHOI, EUA), a decorrer no dia 27 de junho, às 10h00, no Pavilhão de Portugal;

  •    
  • “Blue economy and decarbonization to meet the climate crisis: an international agenda”, uma parceria IPMA/Fundação Calouste Gulbenkian/ Associação Portuguesa de Ética Empresarial/ WHOI, a ter lugar dia 30 Junho 2022 às 16:00, na Altice Arena.


O IPMA estará representado no espaço expositivo "Ocean Science & Business2Sea" com três stands. O primeiro de cariz institucional, em parceria com o WHOI; o segundo temático com o projeto coordenado pelo IPMA "EMSO-PT European Multidisciplinary Seafloor and Water Column Observatory (Portugal) / Observatório Europeu Multidisciplinar do Fundo do Mar e Coluna de Água (Portugal)"; e o terceiro do S2AQUAcoLAB - Collaborative Laboratory in Sustainable and Smart Aquaculture, do IPMA.



Também no âmbito da Conferência serão assinados dois protocolos de cooperação científica na área de Mar e Recursos Marinhos. O primeiro entre o IPMA e o Marine Institute (Ireland), a 23 de junho, e o segundo com o WHOI, a 29 de junho. Os protocolos visam, entre outros temas, a monitorização do ambiente marinho, a aquacultura, novos produtos de mar, assim como a qualidade e segurança alimentar do pescado, infraestruturas marinhas de investigação, cooperação nas pescas, energias renováveis e tecnologia, assim como explorar oportunidades conjuntas de investigação e inovação na área Atlântica.



Fique atento pois iremos dar conta de alguns momentos desta participação nas nossas redes sociais (Facebook e Twitter).





Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-24 09:00:00
93
Meteorologia / [IPMA] IPMA na Conferencia dos Oceanos
« Última mensagem por Informadora em Junho 24, 2022, 11:26:03 »
IPMA na Conferencia dos Oceanos

A Conferência dos Oceanos das Nações Unidas decorre em Lisboa de 27 de junho a 1 de julho de 2022, e o IPMA tem o privilégio de participar.



“A Conferência dos Oceanos será um marco no longo caminho para suster a agressão ao meio marinho, abrindo horizontes de cooperação e de responsabilidade, capazes de combinar a utilização racional de recursos e serviços do mar, com a preservação dos equilíbrios necessários à manutenção da biodiversidade marinha e à defesa do mais importante património genético do planeta.”, destaca o Presidente do IPMA, Miguel Miranda.

 

O IPMA irá participar neste momento histórico com várias iniciativas, desde a dinamização de painéis de discussão em conferencias, workshops ou pitch sessions; estando representado com stands no espaço expositivo; e através da assinatura de protocolos científicos de cooperação com organismos internacionais.



As iniciativas decorrerão em dois espaços: na Blue Zone da Conferência com acesso restrito e na área "One Sustainable Ocean", um espaço contíguo à Conferência, localizado no Pavilhão de Portugal, no Parque das Nações, cujo acesso é livre mediante registo prévio online (aceder abaixo no link).



O programa completo da participação do IPMA pode ser consultado em anexo, mas destacamos o seguinte:



       
  • "Grand Challenges in Ocean Science for a Sustainable Future", uma parceria IPMA/ Woods Hole Oceanographic Institution (WHOI, EUA), a decorrer no dia 27 de junho, às 10h00, no Pavilhão de Portugal;

  •    
  • “Blue economy and decarbonization to meet the climate crisis: an international agenda”, uma parceria IPMA/Fundação Calouste Gulbenkian/ Associação Portuguesa de Ética Empresarial/ WHOI, a ter lugar dia 30 Junho 2022 às 16:00, na Altice Arena.


O IPMA estará representado no espaço expositivo "Ocean Science & Business2Sea" com dois stands. O primeiro de cariz institucional, em parceria com o WHOI; o outro temático com o projeto coordenado pelo IPMA "EMSO-PT European Multidisciplinary Seafloor and Water Column Observatory (Portugal) / Observatório Europeu Multidisciplinar do Fundo do Mar e Coluna de Água (Portugal)".



Também no âmbito da Conferência serão assinados dois protocolos de cooperação científica na área de Mar e Recursos Marinhos. O primeiro entre o IPMA e o Marine Institute (Ireland), a 23 de junho, e o segundo com o WHOI, a 29 de junho. Os protocolos visam, entre outros temas, a monitorização do ambiente marinho, a aquacultura, novos produtos de mar, assim como a qualidade e segurança alimentar do pescado, infraestruturas marinhas de investigação, cooperação nas pescas, energias renováveis e tecnologia, assim como explorar oportunidades conjuntas de investigação e inovação na área Atlântica.



Fique atento pois iremos dar conta de alguns momentos desta participação nas nossas redes sociais (Facebook e Twitter).





Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-24 09:00:00
94
Meteorologia / [IPMA] Reunião do ICES
« Última mensagem por Informadora em Junho 24, 2022, 11:26:02 »
Reunião do ICES


O Grupo de Trabalho de peixes elasmobrânquios (WGEF) do Comité de Aconselhamento do Conselho Internacional para a Exploração do Mar (International Council for the Exploration of the Sea, ICES) reuniu no IPMA/Algés de 17 a 23 de junho. Na reunião, em formato híbrido, participaram cerca de 26 peritos de 10 países diferentes em representação de várias instituições de investigação internacionais.


O WGEF é responsável pela avaliação do estado de exploração das unidades populacionais de tubarões, raias e pelo aconselhamento científico de apoio à tomada de decisão na gestão de stocks peixes e pescarias desde o Ártico até aos Açores. Na reunião do WGEF 2022 foram  avaliados 31 diferentes stocks, 30 da área do ICES e 1 com distribuição que se estende para fora da área do ICES.


Relativamente a stocks de elasmobrânquios com ampla distribuição geográfica que se estendem para além da área do ICES, o WGEF colabora com Organizações Regionais de Gestão das Pescas (Regional Fisheries Management Orgnizations, FMOs) nomeadamente Comissão Geral de Pescas do Mediterrâneo (General Fisheries Commission for the Mediterranean, GFCM) e Comissão Internacional para a Conservação de Atuns do Atlântico (International Commission for the Conservation of Atlantic Tuna, ICCAT). Na reunião deste ano participaram elementos da ICCAT com o objectivo de preparar uma futura reunião conjunta ICES/ ICCAT para (i) avaliação do tubarão-sardo (Lamna nasus) e (ii) compilação de dados de biologia e pescaria dos tubarões raposos (Alopias sp) do Atlântico.






Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-23 09:00:00
95
Meteorologia / [IPMA] Assinatura de protocolo com o MI-Irlanda
« Última mensagem por Informadora em Junho 24, 2022, 09:24:03 »
Assinatura de protocolo com o MI-Irlanda



O IPMA e o Marine Institute (MI - Irlanda) assinaram um Memorando de Entendimento no Campus Oceano do IPMA em Algés que irá reforçar a cooperação na área do Oceano Atlântico entre as duas organizações, particularmente na investigação oceânica.


Na cerimónia de assinatura estiveram presentes o Sr. Embaixador da Irlanda em Portugal, Ralph Victory e o Sr. Secretário de Estado do Mar, José Maria Costa.


O Memorando de Entendimento reconhece a importância da cooperação para aprimorar as ciências e tecnologias marinhas e concentra-se em colaborações que ampliem a base de conhecimento para o Oceano Atlântico em áreas chave diversificadas.


O Presidente do IPMA sublinhou que o Marine Institute e o IPMA trabalham juntos há muitos anos e que é importante reforçar essa parceria para serem uma voz forte para a ciência oceânica e para o Atlântico, a nossa “casa”, no futuro.


Vive-se um momento chave para a ciência oceânica no Atlântico, focada em desenvolver uma economia azul sustentável para as nossas comunidades costeiras. 


 





Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-24 09:00:00
96
Notícias / [EconomiaMar] Homenagem Ilustrada a uma Geração (I)
« Última mensagem por Informadora em Junho 24, 2022, 01:22:09 »
Homenagem Ilustrada a uma Geração (I)

Estranho haver Mundo…

Estranho alguma coisa haver em vez de nada… e este estranho e maravilhoso Mundo que tanto nos deslumbra quanto nos confunde…


O post Homenagem Ilustrada a uma Geração (I) aparece primeiro no Jornal da Economia do Mar.





Fonte: www.jornaldaeconomiadomar.com
Publicada na fonte em: 2022-06-24 00:45:36
97
Meteorologia / [IPMA] Assembleia de Geofísica
« Última mensagem por Informadora em Junho 23, 2022, 16:07:03 »
Assembleia de Geofísica

A 10ª Assembleia Luso-Espanhola de Geodesia e Geofísica irá decorrer entre 28 de novembro e 1 de dezembro de 2022, em Toledo (Espanha), e é organizada pela Comissão Espanhola de Geodesia e Geofísica, pelo Instituto Geográfico Nacional e pelo IPMA.



A Assembleia Luso-Espanhola de Geodesia e Geofísica foi consolidada como o principal fórum de divulgação e intercâmbio científico entre investigadores espanhóis e portugueses em Ciências da Terra, ao longo das várias edições realizadas.



A organização convida a comunidade científica espanhola e portuguesa a participar neste congresso. O convite é também alargado à comunidade científica de Europa e do Magreb. Os idiomas oficiais das comunicações durante a Assembleia serão o espanhol, o português e o inglês.





Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-23 09:00:00
98
Meteorologia / [IPMA] Reunião de ICES
« Última mensagem por Informadora em Junho 23, 2022, 16:07:03 »
Reunião de ICES


O Grupo de Trabalho de peixes elasmobrânquios (WGEF) do Comité de Aconselhamento do Conselho Internacional para a Exploração do Mar (International Council for the Exploration of the Sea, ICES) reuniu no IPMA/Algés de 17 a 23 de junho. Na reunião, em formato híbrido, participaram cerca de 26 peritos de 10 países diferentes em representação de várias instituições de investigação internacionais.


O WGEF é responsável pela avaliação do estado de exploração das unidades populacionais de tubarões, raias e raias e pelo aconselhamento científico de apoio à tomada de decisão na gestão de stocks peixes e pescarias desde o Ártico até aos Açores. Na reunião do WGEF 2022 foram 31 avaliados diferentes stocks, 30 da área do ICES e 1 com distribuição que se estende para fora da área do ICES.


Relativamente a stocks de elasmobrânquios com ampla distribuição geográfica que se estendem para além da área do ICES, o WGEF colabora com Organizações Regionais de Gestão das Pescas (Regional Fisheries Management Orgnizations, FMOs) nomeadamente Comissão Geral de Pescas do Mediterrâneo (General Fisheries Commission for the Mediterranean, GFCM) e Comissão Internacional para a Conservação de Atuns do Atlântico (International Commission for the Conservation of Atlantic Tuna, ICCAT). Na reunião deste ano participaram elementos da ICCAT com o objectivo de preparar uma futura reunião conjunta ICES/ ICCAT para (i) avaliação do tubarão-sardo (Lamna nasus) e (ii) compilação de dados de biologia e pescaria dos tubarões raposos (Alopias sp) do Atlântico.






Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-23 09:00:00
99
Comité de Aconselhamento do Conselho Internacional para a Exploração do Mar


O Grupo de Trabalho de peixes elasmobrânquios (WGEF) do Comité de Aconselhamento do Conselho Internacional para a Exploração do Mar (International Council for the Exploration of the Sea, ICES) reuniu no IPMA/Algés de 17 a 23 de junho. Na reunião, em formato híbrido, participaram cerca de 26 peritos de 10 países diferentes em representação de várias instituições de investigação internacionais.


O WGEF é responsável pela avaliação do estado de exploração das unidades populacionais de tubarões, raias e raias e pelo aconselhamento científico de apoio à tomada de decisão na gestão de stocks peixes e pescarias desde o Ártico até aos Açores. Na reunião do WGEF 2022 foram 31 avaliados diferentes stocks, 30 da área do ICES e 1 com distribuição que se estende para fora da área do ICES.


Relativamente a stocks de elasmobrânquios com ampla distribuição geográfica que se estendem para além da área do ICES, o WGEF colabora com Organizações Regionais de Gestão das Pescas (Regional Fisheries Management Orgnizations, FMOs) nomeadamente Comissão Geral de Pescas do Mediterrâneo (General Fisheries Commission for the Mediterranean, GFCM) e Comissão Internacional para a Conservação de Atuns do Atlântico (International Commission for the Conservation of Atlantic Tuna, ICCAT). Na reunião deste ano participaram elementos da ICCAT com o objectivo de preparar uma futura reunião conjunta ICES/ ICCAT para (i) avaliação do tubarão-sardo (Lamna nasus) e (ii) compilação de dados de biologia e pescaria dos tubarões raposos (Alopias sp) do Atlântico.






Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-23 09:00:00
100
Meteorologia / [IPMA] Aviso de Sismo no Continente 22-06-2022 18:50
« Última mensagem por Informadora em Junho 22, 2022, 19:47:02 »
Aviso de Sismo no Continente  22-06-2022  18:50

                                       
Informação  Sismológica
Titulo: Aviso de Sismo no Continente  22-06-2022  18:50

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera informa que no dia 22-06-2022 pelas 18:50 (hora local) foi registado nas estações da Rede Sísmica do Continente, um sismo de magnitude 2.8 (Richter) e cujo epicentro se localizou a cerca de 20 km a Sul-Sudeste de Lagos.
Até à  elaboração deste comunicado não foi recebida nenhuma informação confirmando que este sismo tenha sido sentido.
Se a situação o justificar serão emitidos novos comunicados.


A localização do epicentro de um sismo é um processo físico e matemático complexo que depende do conjunto de dados, dos algoritmos e dos modelos de propagação das ondas sísmicas. Agências diferentes podem produzir resultados ligeiramente diferentes. Do mesmo modo, as determinações preliminares são habitualmente corrigidas posteriormente, pela integração de mais informação. Em todos os casos acompanhe sempre as indicações dos serviços de proteção civil. Toda e qualquer utilização do conteúdo deste comunicado deverá sempre fazer referência à fonte.

Data de Edição: Qua, 22 Jun 2022 18:06:23




Fonte: www.ipma.pt
Publicada na fonte em: 2022-06-22 18:06:23
Páginas: 1 ... 8 9 [10]